A Derrocada do PT em Rondônia

Exitoso nas Eleições Gerais de 2002 e nas Eleições Municipais de 2004 e 2008. O Partido dos Trabalhadores sofreu um forte declínio em 2016 e 2018.

No 1º Turno das eleições de 2002, o partido dos trabalhadores elegeu a Senadora Fátima Cleide Rodrigues da Silva (PT-RO), com 233.365 votos (33,65% dos votos validos), por a coligação Outra Rondônia e possível, composta pelos partidos PT/PMN/PC do B. Nessa eleição foi eleito também o senador Valdir Raupp De Matos (PMDB-RO) com 210.413 votos (30,34% dos votos validos). Para a câmara dos deputados foram eleitos os petistas Eduardo Valverde com 15.116 votos (2,29 % dos votos validos) e Anselmo com 13.777 votos (2,09% de votos validos). Para a Assembleia Legislativa o Partido dos Trabalhadores elegeu os Deputados Estaduais Nereu com 6.904 votos, Edézio Martelli com 5.320 votos, Doutor Carlos com 4.618 votos e Neri Firigolo com 4.378 votos.

Nas Eleições Municipais de 2004 o Psicólogo Roberto Eduardo Sobrinho (PT), concorre à vaga de Prefeito da capital do estado, a candidata a Vice – Prefeita da sua chapa era Claudia Carvalho (PC do B).

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
COVID 970x250

Além do petista, concorreram ao cargo em 2004, Mauro Nazif (PSB), Everton Leoni (PSDB), Oscar Andrade (PL), Dr. Ribamar Araujo (PRONA) e Antonio Morimoto (PMN).

Roberto Sobrinho disputou o segundo turno como o candidato Mauro Nazif, e obteve 90.985 votos (54,31% dos votos validos), Mauro Nazif alcançou 76.557 votos (45,69% dos votos validos). O PT ainda elegeu em Porto Velho os vereadores José Hermínio com 1.883 votos e Wildes do Sintero com 1.721 votos.

Em 2004 o PT elegeu ainda os prefeitos Padre Ton em Alto Alegre dos Parecis, Tonin Zotesso em Teixeirópolis, João Alves em Vale do Anari, Volpi em Buritis e João Becker em Cujubim.

Nas Eleições de 2006 a Senadora Fátima Cleide candidata- se ao cargo de Governadora do Estado de Rondônia, a porto-velhense teve como candidato a Vice-Governador o comerciário Julio Olivar (PC do B).

A Senadora alcançou 185.272 votos (25,90% dos votos validos), o governador eleito em primeiro turno foi Ivo Cassol (PPS) que obteve 387.208 votos (54,14% dos votos validos).

No pleito reelegeram-se os deputados federais Eduardo Valverde, que obteve 34.631 votos e Anselmo, que alcançou 29.401 votos. Para o legislativo estadual foram eleitos o Prof.Dantas (PT) que obteve 6.393 votos e o Drº Ribamar Araujo (PT) que alcançou 5.014 votos. No mesmo pleito foi reeleito o deputado estadual Neri Firigolo que obteve 6.038 votos.

Nas eleições de 2008, Roberto Sobrinho, por a coligação Trabalho De Novo Com A Força Do Povo, composta pelos partidos PT/PMDB/PP/PRTB e com o candidato a Vice-Prefeito Emerson Castro (PMDB), reelege-se para o cargo de prefeito de Porto Velho no primeiro turno, alcançando 119.896 votos (59,51% dos votos validos). Superando os candidatos Garçom (PV), David Chiquilito Erse (PC do B), DR. Mauro Nazif (PSB), Doutor Alexandre (PTC), Hamilton Casara (PSDB) e Adilson Siqueira (PSOL).

No pleito elegeram-se pelo partido dos trabalhadores, para a câmara municipal da capital, os vereadores, Epifania que obteve 3.577 votos, Claudio Carvalho que alcançou 2.142 votos, Hermínio que obteve 2.888 e Bengala que alcançou 2.030 votos.

Em 2008 o PT elegeu prefeitos em quatro municípios do Estado de Rondônia, Roberto Sobrinho em Porto Velho, Ton em Alto Alegre dos Parecis, Padre Franco em Cacoal e Tonin em Teixeirópolis.

Nas eleições de 2010 o partido dos trabalhadores lança o deputado federal Eduardo Valverde, candidato ao governo do estado, concorrendo pela coligação Rondônia Melhor Para Todos, composta pelos partidos PT/PSB. Pela mesma coligação candidata- se a reeleição a Senadora Fátima Cleide.

Eduardo Valverde que tinha como candidato a Vice-Governador o vereador de Pimenta Bueno Cleiton Roque (PT), não obtém êxito no pleito, terminando a corrida eleitoral em terceiro lugar, o candidato obteve 120.462 votos (18,16% dos votos validos).

Confúcio Moura que alcançou 291.765 votos (43,99% dos votos validos) e João Cahulla que obteve 246.350 votos (37,14% dos votos validos) disputaram o segundo turno das eleições. Apurados os votos Confúcio Moura foi eleito com 422.707 votos (58,68% dos votos validos). Cahulla obteve 297.674 votos (41.32% dos votos validos).

 A Senadora petista Fátima Cleide não foi reeleita em 2010, terminou o pleito em terceiro lugar, alcançou 255.300 votos (16,05% dos votos validos), as duas vagas disputadas no Senado, foram ocupadas por Valdir Raupp que obteve 481.420 votos (34,29% dos votos validos) e Ivo Cassol que alcançou 454.087 votos (32,34% dos votos validos).

Em 2010 o PT elegeu o prefeito de Alto Alegre dos Parecis, Mariton Benedito De Holanda, o Padre Ton, para a Câmara Federal, natural de Oeiras/PI, o Padre obteve 31.128 votos (4,41% dos votos validos). Para a Assembléia Legislativa foram eleitos os vereadores Hermínio que obteve 9.846 votos, Epifânia que obteve 8.531 votos e reeleito o deputado estadual Dr. Ribamar Araujo que alcançou 7.293 votos.

Nas Eleições Municipais de 2012 a ex-senadora Fátima Cleide (PT), por a coligação Juntos Para Fazer Mais, composta pelos partidos PT / PR / PPL, concorre à vaga de Prefeita da capital, o candidato a Vice- Prefeito da sua chapa era o Engenheiro Miguel de Souza (PR).

Fátima Cleide terminou o pleito em quinto lugar, obteve 29.564 votos (12,69% dos votos validos), disputaram o segundo turno Lindomar Garçom que obteve no primeiro turno 57.698 votos (24,76% dos votos validos) e Dr. Mauro Nazif que alcançou 44.259 votos (18,99% dos votos validos). Mauro Nazif foi eleito no segundo turno, obteve 142.937 votos (63.03% dos votos validos), Lindomar Garçon alcançou 83.828 votos (36,97% dos votos validos).

Para a Câmara Municipal de Porto Velho, foram eleitos os vereadores, Fatinha, Bengala, Sid Orleans e Jose Wildes.

O PT elegeu em 2012 os prefeitos Chico Território em Costa Marques, Lurdinha do Sindicato em Presidente Médici, Professora Sônia em Jaru, Dulcio em Guajará Mirim, Zenildo em São Miguel do Guaporé e reelegeu o Padre Franco em Cacoal.

Nas eleições gerais de 2014 o PT lança a candidatura do Deputado Federal Padre Ton ao governo do estado, a candidata a Vice – Governadora era a vereadora Fatinha (PT). A Câmara Federal o partido lança as candidaturas de Anselmo de Jesus, Fátima Cleide, Roberto Sobrinho, Leomar Patrício, Sid Orleans, Itamar da CUT, Claudia do Posto, Eleondas e Deniz da Cultura.

Apurados os votos o Padre Ton obteve 101.612 votos (12,64% dos votos validos), aparecendo em quarto lugar na disputa. Em 2014 o PT não elegeu nenhum deputado federal em Rondônia, para a Assembléia Legislativa elegeu o Agricultor Lazinho da Fetagro que obteve 9.036 votos e reelegeu o Deputado Estadual Dr. Ribamar Araujo que alcançou 8.686 votos.

Nas eleições de 2016 o PT tinha candidatos em oito municípios, mas só o candidato Tonin de Teixeirópolis (RO) se elegeu, obteve 1.993 votos (62,65% dos votos validos). Nenhum candidato a vereador se elegeu na capital.

Nas ultimas eleições em 2018, entre todas as candidaturas o Partido dos Trabalhadores elegeu apenas um candidato a Deputado Estadual, Lazinho da Fetagro que era candidato a reeleição, Lazinho obteve 14.908 votos.

Fátima Cleide que era candidata a Senadora e Padre Ton candidato a Deputado Federal, tiveram seus votos anulados, por que as candidaturas tinham pendências para serem julgadas.   

O Partido dos Trabalhadores que no inicio dos anos 2000 elegeu uma Senadora, Deputados Federais, Deputados Estaduais, o Prefeito da capital e de vários municípios do Estado, Alem de vereadores na capital e Municípios do Interior. Resta agora com um representante na Assembléia Legislativa e um prefeito no interior do Estado.

 

 

*O Rondoniaqui News informa que os artigos são de inteira responsabilidade de seus autores