Emagrecimento e tireoide: endocrinologista esclarece os mitos e verdades

As disfunções hormonais da tireoide levam a fama por processos de ganho e perda de peso, muitas vezes, injustamente. Endocrinologista revela mitos e verdades e explica implicações de uma tireoide fora de seu estado normal

É comum atribuir processos de perda ou ganho de peso às alterações hormonais geradas por alguma anormalidade na tireoide, glândula responsável pela produção dos hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina). Porém, Dra. Isis Toledo, Médica Endocrinologista e Metabologista pela SBEM (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia), argumenta: “Essa crença não tem fundamento, já que as variações de peso após tratamentos de tireoide são muito pequenas”.

A seguir, a especialista responde a suposições comuns, mas nem sempre verdadeiras, relacionadas aos comportamentos e efeitos da tireoide.

Na ausência de fome acompanhada de ganho de peso, o hipotireoidismo é o responsável.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE