Assassinato de família: irmã e sobrinhos da vítima são suspeitos de planejar crime e jovem se entrega

Irmãos gêmeos são suspeitos de envolvimento no crime Reprodução/Record TV Rio

Lucas Resende se entregou após ter cartaz de procurado divulgado; herança motivou crime

A DH (Divisão de Homicídios) desvendou o assassinato da família do diretor da OAB-RJ em São Gonçalo. A irmã de uma das vítimas é apontada como mandante do crime e é considerada foragida da polícia. Lucas Resende Kalil, um dos filhos da suspeita, estava foragido e foi levado para a delegacia após se entregar, nesta quinta-feira (23), em Saquarema, Região dos Lagos. O outro filho de Simone, Matheus, disse em depoimento que levou dois homens á casa das vítimas, sem saber que seria para cometer o crime.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

De acordo com a polícia, as investigações chegaram até Simone devido a dentes que foram deixados no local do crime. Segundo informações, a suspeita teria envolvimento com rituais de magia negra e os dentes fazem parte de um ritual de apropriação.

Soraya Gonçalves Resende, de 37 anos, era irmã adotiva de Simone. As duas disputavam na Justiça a herança do pai no valor de R$ 7 milhões. De acordo com o delegado que investiga o caso, o comportamento de Simone chamou a atenção, pois, ao saber da morte da irmã, a suspeita teria dito “meus problemas foram resolvidos”, além de apresentar um comportamento frio.

O Portal Procurados divulgou, na quarta-feira (22), o cartaz com a foto do Lucas, que é sobrinho de Soraya, oferecendo R$ 2 mil por informações que levassem à prisão dele, mas o jovem se entregou nesta manhã. Segundo a delegacia de homicídios, Lucas teria tentado se desfazer da arma do crime.

O crime ocorreu na última sexta-feira (17), no bairro do Barro Vermelho, em São Gonçalo. O diretor da OAB Wagner Salgado, de 47 anos, a mulher dele Soraya e a filha do casal, Geovanna Resende Salgado, de 10 anos, foram mortos a tiros dentro da casa da família. A mulher e a filha foram assassinadas enquanto dormiam. Wagner foi atingido por três tiros na cabeça, foi socorrido ao Hospital Alberto Torres, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade.

Fonte: R7