Governador de RO diz que previsão para chegada de doses da Sputnik V é na 2ª quinzena de abril

Em entrevista, Governador Marcos Rocha explicou que espera liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária para que as doses sejam enviadas.

O governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha (Sem partido), disse em entrevista à Rede Amazônica, na manhã deste sábado (10), que as mais de 1 milhão de doses da vacina Sputnik V, anunciadas no dia 23 de março, devem chegar em Rondônia na 2ª quinzena de abril.

“Nós fizemos a aquisição e estamos agora aguardando as questões da Anvisa. Ela tem que fazer a liberação dessas doses. A previsão de chegada das doses que nós adquirimos aqui pelo estado, bem como outros governadores adquiriram através de consórcio, seria agora nesse segunda quinzena de abril“, disse durante entrevista.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Banner ALE 970x250

Ainda em março, Rocha disse que a intenção é imunizar os maiores de 18 anos ainda no primeiro semestre de 2021.

“Passamos a semana passada, eu e outros governadores, em uma reunião que durou quase 5 horas. Então nós estamos aguardando o posicionamento dela [Anvisa] pra que a gente possa então trazer essas doses, seguindo o PNI, o Plano Nacional de Imunização e então, nós imunizarmos a população do estado de Rondônia”, disse.

Eficácia da vacina Sputnik V

 

A vacina Sputnik V, desenvolvida pelo instituto russo de pesquisa Gamaleya para a Covid-19, teve eficácia de 91,6% contra a doença, segundo resultados preliminares publicados na revista científica “The Lancet”, uma das mais respeitadas do mundo. A eficácia contra casos moderados e graves da doença foi de 100%.

A vacina também funcionou em idosos: uma subanálise de 2 mil adultos com mais de 60 anos mostrou eficácia de 91,8% neste grupo. Ela também foi bem tolerada nessa faixa etária.

Vacinação em Rondônia

 

Apenas 7,51% da população do estado recebeu a primeira dose da vacina. Rondônia é um dos estados do Brasil que menos vacinou, desde o começo da campanha de imunização.