Identificada mulher que morreu após fuga em moto; casal era do Acre

"A viatura da polícia fechou e tocou levemente na motocicleta, por isso o casal perdeu o controle da direção e bateu na árvore", disse uma testemunha

Foi identificada como Beatriz Aguiar, 18, a jovem que morreu junto com o companheiro Samuel Assis de Lima Miranda, 26, na madrugada deste domingo (25) na Avenida Tiradentes, bairro Embratel, em Porto Velho (RO).

De acordo com informações o casal era do Estado do Acre e estava na capital a trabalho. O homem tinha uma empresa de joalheria virtual, segundo o apurado.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A jovem era técnica de enfermagem e dançarina.

A fuga, perseguição e morte

A ocorrência registrada pela Polícia Militar relata que o casal estava em uma motocicleta Honda Titan no Espaço Alternativo, local onde havia equipes da PM abordando motociclistas que participavam de um “rolezinho”.

O boletim policial afirma que Samuel não teria obedecido a ordem de parada e saiu em fuga na contramão da Avenida Jorge Teixeira. Neste momento teve início a perseguição intensa.

Já na Avenida Tiradentes, próximo da Avenida Rio Madeira, o piloto da moto acabou se chocando contra uma árvore. Ele e a mulher morreram quase que instantaneamente.

“A viatura da polícia fechou e tocou levemente na motocicleta, por isso o casal perdeu o controle da direção e bateu na árvore”, disse uma testemunha.

Durante revista pessoal os policiais disseram em ocorrência que não acharam nenhum ilícito com o casal.