Preço da gasolina cai 1,95% com medidas de prevenção ao coronavírus em Porto Velho

Preço médio da gasolina reduziu de R$ 4,60 para R$ 4,51. Já etanol teve aumento.

Os preços do diesel e da gasolina recuaram nos postos de Porto Velho, segundo dados divulgados no fim de semana pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A queda no preço médio é causada pela redução de pessoas abastecendo os veículos em função da pandemia do novo coronavírus.

Nos postos da capital, o preço médio do litro caiu de R$ 4,60 para R$ 4,51. Isto representa uma economia de 1,95% no bolso do consumidor.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O diesel também teve queda de preço na última semana, recuando de R$ 3,85 para R$ 3,82, em média. Com isso, a economia no litro é de 0,77%.

O etanol foi o único combustível com aumento nos postos (0,51%): o valor médio saiu de R$ 3,85 para R$ 3,87, informou a ANP.

Apesar do recuo para o consumidor, a queda não acompanha o tamanho do corte de preço dos combustíveis realizado pela Petrobras nas refinarias.

Os valores são uma média calculada pela ANP com dados coletados em postos de vários bairros da cidade. Os preços, portanto, variam de acordo com a região.

Preço nas refinarias

Nesta quinta-feira (19), a Petrobras promoveu um corte de 12% no preço da gasolina e de 7,5% no do diesel nas refinarias. Com isso, o preço do óleo diesel acumula queda de 29,1%, no ano. Já o recuo da gasolina é de 30,1%.

O corte nos preços dos combustíveis se dá num momento em que as cotações do petróleo estão em forte queda com o avanço do surto de coronavírus no mundo e a desaceleração da economia global.

Nesta semana, o valor de referência nos EUA, do petróleo WTI, registrou perda de 29%, a mais acentuada desde o início da Guerra do Golfo em 1991. O petróleo Brent, enquanto isso, cedeu 20%. Ambos os contratos de referência acumulam quatro semanas seguidas de quedas.