Kelly Key desabafa após ser apontada como ‘dona de casa’: ‘Não me subestime’

A cantora desabafou sobre o assunto, declarando apoio para que todas as mulheres sigam suas próprias decisões, independentemente das opiniões alheias

Kelly Key se mudou com o marido, Mico Freitas, para a Angola há um ano e meio, e desde então é questionada sobre ter abandonado a carreira para ser “dona de casa”. No Instagram, nesta terça-feira (20), a cantora desabafou sobre o assunto, declarando apoio para que todas as mulheres sigam suas próprias decisões, independentemente das opiniões alheias.

“Quando cheguei para viver na Angola, há um ano e meio atrás, a pergunta que persistia a cada encontro com amigos e conhecidos era: ‘E agora, miúda… Não fazes nada?’, ‘O que você vai fazer aqui enquanto o Mico estiver trabalhando com o pai?’. E nas redes sociais, as perguntas continuaram: ‘Agora abandonou sua carreira?’, ‘Vai ficar seguindo seu marido?’, ‘Virou dona de casa?’”, contou Kelly.

“Hoje, quero dizer a todas as mulheres que enfrentam esse tipo de pressão: não importa se decidimos apoiar nossos parceiros, virar donas de casa, perseguir nossas próprias carreiras ou equilibrar ambos. Nossas escolhas são únicas, pessoais, valiosas e merecem RESPEITO!”, refletiu a cantora.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Segundo ela, decidiu enfrentar o desafio, conquistar sonho do casal, além de provar que é “muito mais do que o papel que” a atribuem. “Eu vim para quebrar barreiras, seguir o meu coração e ser exemplo de inspiração para as mulheres ao meu redor! Então, por favor, não me encaixote! Não me subestime! Sou mais do que suficiente”, declarou, garantindo que acompanhar o marido “não é sinônimo de abrir mão” dos seus sonhos.

“Estamos juntos, fortalecendo empreendimentos já existentes e abraçando novos investimentos! Nesta nova fase da minha vida, estou focada em impulsionar nossos empreendimentos, dando a eles ainda mais força e sucesso. Não importa se já existiam ou se são projetos totalmente novos, estou determinada a fazer deles uma história de crescimento e prosperidade”, informou Kelly Key.