SBT estuda volta do Show do Milhão com Patrícia Abravanel, mas teme ação judicial

O SBT admite que existe vontade e estudos para retomar com o programa ainda neste ano

O SBT estuda retomar a produção do Show do Milhão, um clássico de sua programação nos anos 2000, mas com novo comando. Dessa vez, a apresentação seria de Patrícia Abravanel.

Assim como já acontece com outras atrações clássicas que foram comandadas por Silvio, como o Qual é a Música?, o novo Show do Milhão retornaria dentro do Programa Silvio Santos, exibido nas noites de domingo e atualmente comandado pela filha do dono do SBT.

À Folha de S.Paulo, o SBT admite que existe vontade e estudos para retomar com o programa ainda neste ano, mas sem uma data específica para estreia na sua programação.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Um dos pontos que o SBT pondera é a questão judicial. Como mostrou o F5 recentemente, o SBT foi ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) para tentar liberar a produção de novas temporadas do game sem que receba ações judiciais com acusações de plágio.

Desde 2021, quando foi ao ar a última temporada do programa, comandada por Celso Portiolli, a TV de Silvio Santos vive uma guerra com a Sony Pictures, dona do Quem Quer Ser um Milionário?, e está proibida de usar o formato.

A Globo tem contrato desde 2017 para a produção do Milionário no Brasil, e atualmente o faz como um quadro dentro do Domingão, que tem Luciano Huck à frente nas tardes de domingo. Antes, o quadro fazia parte do portfólio do Caldeirão, à época comandado pelo mesmo apresentador aos sábados.

O SBT afirma que, apesar de ter alguma similaridade, o Show do Milhão é um formato criado pelo própria emissora paulista. Para a empresa, existem diferenças suficientes para descartar a ideia de plágio.

Não existe uma decisão que proíba o SBT de produzir o Show do Milhão, e sim uma briga para evitar que a Sony, dona do Quem Quer Ser um Milionário?, não entre com algum tipo de retaliação.

O Show do Milhão foi ao ar originalmente entre 1999 e 2003 e teve grande popularidade. Voltou em temporadas rápidas em 2009 e 2021, esta última em parceria com o banco digital PicPay.