Após desembarque, Bruno faz treino com equipe do Rio Branco

O presidente do Rio Branco, Neto Alencar, destacou que não vai faltar dinheiro para pagar o salário do atleta

O goleiro Bruno Fernandes, reforço do Rio Branco Football Club (RBFC) para a temporada 2020, mal desembarcou em Rio Branco (AC) e já iniciou os treinos com a bola com os colegas do time na tarde desta quinta-feira (30).
A volta aos treinos foi permitida nesta quarta-feira, 30. Desde de março, por causa da pandemia de Covid-19, as atividades dos times profissionais do Acre estavam suspensas. Os jogadores foram divididos em dois grupos.
Bruno desembarcou no aeroporto de Rio Branco, por volta das 12 horas e foi recepcionado por representantes do “Estrelão”, como é conhecido o time local.
Bruno Fernandes foi condenado a mais de 20 anos por homicídio triplamente qualificado de Eliza Samudio. A contratação do atleta tem sido alvo de repúdios e até petição pedindo o cancelamento do contrato com o time acreano.
O presidente do Rio Branco, Neto Alencar, destacou que não vai faltar dinheiro para pagar o salário do atleta. O valor, que não foi anunciado, vai ser pago por uma empresa parceira do Rio de Janeiro, que viabilizou a contratação de Bruno, e de dois empresários do Acre que prometeram contribuir com o pagamento. Alencar não divulgou o nome das empresas.
Após o anúncio da contratação de Bruno, o Rio Branco perdeu o apoio que recebia da rede de supermercados Araújo que ajudava no fornecimento de alimentação aos atletas da base do clube.