Governo da Sérvia defende Djokovic após polêmica sobre Covid-19

O atleta, além de outros participantes do campeonato, testaram positivo para Covid-19

A primeira-ministra da Sérvia, Ana Brnabic, saiu em defesa do tenista Novak Djokovic, que gerou polêmica ao organizar um torneio de tênis em meio à pandemia de novo coronavírus. O atleta, além de outros participantes do campeonato, testaram positivo para Covid-19.

 

“O culpado pelas medidas serem reduzidas em nosso país não é Novak, mas o governo. A culpa é nossa”, disse.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
COVID 970x250

O torneio, em Belgrado, foi organizado para mil pessoas, mas acabou recebendo 4 mil. Não houve distanciamento social entre os torcedores.

Ana Brnabic ainda agradeceu o tenista pela iniciativa de arrecadar doações aos mais necessitados.

Djokovic também organizou uma festa entre os participantes do Adria Tour e se justificou citando a autorização do Governo.

Vários tenistas criticaram publicamente o esportista pelo torneio. “Deixem ele em paz”, finalizou Brnabic.