Maior artilheiro do United, Rooney, vê filho assinar primeiro contrato com clube

Kai Rooney, de 11 anos, será o camisa 10 dos Devils nas categorias de base

Um dos maiores ídolos da história do Manchester United, o atacante Wayne Rooney agora verá o filho, Kai, de 11 anos, vestir a camiseta dos Devils. O garoto assinou seu primeiro contrato com o clube na última quinta-feira (17), segundo anúncio do próprio jogador. Rooney (o pai), acumula as funções de atacante e treinador do Derby County, da segunda divisão inglesa, aos 35 anos.

Ele publicou uma foto no Instagram ao lado da esposa Colleen e de Kai com camisa com o número 10 do Manchester United — número que seu pai vestiu pelo clube da Premier League — com seu nome nas costas. Na legenda, escreveu: “Dia de orgulho. Kai assinando com o Manchester United. Mantenha o trabalho duro, filho”, disse Wayne Rooney.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Rooney chegou ao United vindo do Everton em 2004, e se tornou o maior artilheiro da história do clube, com 253 gols em 559 partidas ao longo de 13 anos, antes de retornar ao Everton. À época, ele era o atleta mais escalado pelos apostadores em casas de apostas no Brasil e na maioria dos países da Europa, feito até hoje raro entre os atletas da elite do esporte.

Ele também tem cinco títulos da Premier League e uma Champions com o clube de Manchester, além de ser o maior artilheiro da história da seleção inglesa, com 53 gols em 119 jogos.

Rooney se transferiu para a Major League Soccer, dos Estados Unidos, para defender o DC United, em 2018, antes de acertar em janeiro deste ano com o Derby County. Seu time atual, no entanto, não vive situação tranquila: está na zona de rebaixamento da Championship League, com 16 pontos conquistados em 19 partidas. O líder, Norwich, tem 40.

Ele também está longe de ser o artilheiro de outras épocas: enquanto o artilheiro do campeonato tem 16 gols (Ivan Toney, do Brentford), ele fez apenas seis.