Perto do Flamengo, William Carvalho é investigado por abuso sexual; ele nega

William Carvalho foi acusado de abuso sexual em agosto do ano passado

O volante William Carvalho, do Real Betis, que está próximo de ser o novo reforço do Flamengo, é investigado na Espanha por abuso sexual.

Carvalho foi acusado de abuso sexual em agosto do ano passado. O jogador negou o crime e já prestou depoimento perante a Justiça espanhola. A investigação segue em curso.

Segundo a imprensa espanhola, a mulher foi convidada pelo português para viajar até Sevilha, onde o jogador mora. Após um jantar, foram para uma casa noturna e, em seguida, para um hotel.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Câmeras de vigilância registraram o jogador subindo para o quarto com a jovem, que saiu duas horas depois, antes do horário do treino no Betis.

Na denúncia, a jovem relatou que foi drogada e violada pelo português e acordou na manhã seguinte com sinais claros de violência no corpo. Os dois trocaram mensagens nos dias seguintes e ela pretendia se encontrar com William Carvalho para entender o que havia acontecido, mas o jogador recusou.

A defesa de William Carvalho afirmou em uma nota oficial na época que o jogador lamenta “profundamente” a denúncia pela “sua falta de veracidade” e no qual “nega veementemente” qualquer agressão sexual. Carvalho admitiu ter tido relações sexuais com a mulher duas vezes -uma em Ibiza, onde ela mora, e outra em Sevilha.

“O Sr. Carvalho respondeu a todas as questões que lhe foram colocadas pela Sra. Magistrada, admitindo a realidade do encontro com a queixosa, mas negando veementemente qualquer agressão sexual, uma vez que as relações foram completamente consensuais”, diz o comunicado.

Após seu depoimento, o atleta deixou o Tribunal de Instrução de Sevilha sem qualquer medida restritiva, obrigação de se apresentar ou retirada de seu passaporte.

WILLIAM PRÓXIMO DO FLAMENGO

O Flamengo tem negociação em andamento para comprar o volante português. As conversas têm caminhado de forma positiva e há otimismo para o desfecho do acordo. Essa informação foi publicada pelo colunista Bruno Andrade, do UOL.

Valor da transferência gira entre 2 e 3 milhões de euros (entre R$ 11 e 16 milhões). William pertence ao Betis, com quem tem contrato até junho de 2026.