Piloto ou skate? Leticia Bufoni abraça tudo e ainda quer curtir Olimpíadas

Leticia luta para encaixar as duas modalidades em sua rotina

Leticia Bufoni surpreendeu ao descer do skate para se aventurar em um dos quentes carros da Porsche Cup. Seis vezes campeã do X Games, ela conquistou, no último domingo (28), em Interlagos (SP), seu primeiro troféu no automobilismo.

Se engana, porém, quem pensa que a vida no skate ficou para trás. Leticia luta para encaixar as duas modalidades em sua rotina, e ainda viajar para Paris para integrar o time da Globo durante as Olimpíadas.

“Não penso em deixar nenhum esporte. O skate é a minha prioridade número um, é o que eu mais amo fazer na vida, mas também quero me dedicar muito a isso [automobilismo], que é algo que eu estou super apaixonada, então vou me dedicar aos dois e ver no que dá”, diz Bufoni ao UOL.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Apesar de não ter choque entre as datas das competições de skate e da Porsche, Leticia tem sofrido para conseguir treinar. A agenda de viagens atrapalhou, inclusive, a “estreia” do simulador que a atleta tem em casa.

Dessa forma, a alternativa tem sido “treinar” nas próprias corridas. Para a etapa de Interlagos, Letícia fez sua primeira volta na sexta-feira (26) – conseguindo o terceiro melhor tempo da atividade pela manhã – e competiu no domingo (28), terminando na quarta colocação.

“Não estou conseguindo me preparar tanto, estou treinando só nas corridas mesmo. Tenho simulador em casa, mas ainda não tive tempo de usar, porque estou na correria de viagem, mas acredito que agora a gente vai ter um intervalo maior dessa etapa [Interlagos] até a próxima [em agosto, também em Interlagos], então eu vou conseguir me preparar melhor.”

“Graças a Deus não teve nenhuma etapa do skate que bateu com a de carro, então vou conseguir fazer todas o ano inteiro. É óbvio que é muita correria, está sendo muita viagem, mas estou conseguindo lidar com os dois e está sendo ótimo.”

Os próximos meses, porém, prometem ser de muito skate. Leticia se prepara para a disputa do X Games, que acontece no fim de junho e depois já embarca rumo aos Jogos Olímpicos.

“Nesse começo de ano eu fiquei bastante no Brasil, por causa da Porsche, então isso tomou muito do meu tempo. Eu tenho mais uma corrida [no México, por outra categoria] e depois a minha agenda é totalmente focada no skate. Tenho o X Games em junho e uma viagem para Paris. Agora em maio, [estou] totalmente focada no skate.”

Por que automobilismo?

“Quando eu tinha uns 12 anos, tinha uma pista de kart no estacionamento da pista onde eu treinava skate. Comecei a andar de kart na brincadeira, porém acabei me apaixonando. Cheguei a comprar kart de corrida, corri por mais ou menos dois anos, porém me mudei para os EUA e acabou que a minha carreira no skate tomou todo o tempo da minha agenda e eu não consegui mais treinar de kart.”

Agora Leticia encara um calor entre 45°C e 50°C e perde entre 3 e 4 kg a cada vez que entra no carro da Porsche Cup. Ela compete na categoria Trophy, pensada para ajudar na formação de novos pilotos, e quer atrair mais mulheres para o automobilismo.

“Meu foco é aprender e me profissionalizar nessa modalidade, mas também tentar trazer mulheres de outros esportes para dentro do automobilismo, como fiz no skate.:

E 2024 reservou mais uma novidade para Leticia Bufoni: ir para as Olimpíadas de Paris como comentarista. Ela -que anunciou no ano passado que não tentaria a classificação- fará parte do time da Globo.

“Esse ano eu vou ter a experiência original das Olimpíadas. Em Tóquio, além de eu estar competindo, foi um ano de pandemia, então eu não consegui aproveitar muito. Agora, estando do outro lado, tenho certeza que vou conseguir aproveitar bastante, e vai ser incrível testar esse desafio novo de vir para as Olimpíadas como repórter e também como embaixadora de Paris 2024. Estou bem empolgada com isso. Estar nas Olimpíadas sem competir é totalmente diferente. Vou conseguir relaxar e aproveitar. Vai ser uma experiência incrível, estou super ansiosa e um pouco tensa também para esse desafio.”