11ª Rondônia Rural Show Internacional mobiliza Estado, País e exterior

Evento é o mais importante do gênero no Norte do Brasil e comercializou em 2023 mais de R$ 3,5 bilhões

No período de 20 a 25 deste mês de maio Rondônia estará promovendo um dos eventos agropecuário-comercial mais significativos do País, maior da Região Norte, a Rondônia Rural Show Internacional (RRSI), que em 2023 comercializou mais de R$ 3,5 bilhões. A mostra será realizada no Centro Tecnológico Vandeci Rack, em Ji-Paraná com expectativa de quebra de recorde de participação e comercialização.

A Rondônia Rural Show (RRS), até 2023 não era internacional. Ela surgiu no período do ex-governador Confúcio Moura (MDB), hoje senador, após uma visita ao Show Rural Coopavel, em Cascavel, Oeste do Paraná, atendendo convite do casal Nair-Assis Gurgacz, do senador Acir Gurgacz e do na época vice-governador, Airton Gurgacz.

Ao retornar Confúcio formatou com o secretário da Agricultura do seu governo, Anselmo de Jesus, hoje presidente regional do PT, e o então prefeito de Ji-Paraná, Jesualdo Pires (PSB), a criação da Rondônia Rural Show, hoje internacional, que está na 11ª edição e rapidamente se tornou a maior e mais importante do Norte do Brasil.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A RRSI é diferente das feiras-exposições, que atende mais a comercialização de gado, priorizam shows artísticos e o entretenimento. Não há apresentações de artistas e a mostra funciona somente das 8h às 18 com início numa segunda-feira e encerramento no sábado seguinte. A prioridade é a comercialização, a troca de experiências, a tecnologia cada vez mais presente no meio rural.

Rondônia está desde o início do mês com as atenções voltadas para a RRSI. O Estado marcará presença durante todo o período da mostra com o Governo Itinerante, assim como a Assembleia Legislativa (Ale) com estande e reunião extraordinária na quinta-feira (23) e homenagens a personalidades em estande próprio. Também teremos exposições de máquinas e equipamentos agrícolas, vitrines tecnológicas, insumos, exposição de animais, palestras, oficinas, demonstrações práticas e oportunidades network.

A RondoLEITE, que ocorre dentro da RRSI tem como objetivo fortalecer o desenvolvimento da cadeia produtiva do Estado e proporciona oportunidades de conhecer melhor a terra e implementar o setor leiteiro, inclusive com a realização do Concurso de Qualidade de Queiros de Rondônia-ConQueijo.

Em 2023 a RRSI comercializou mais de R$ 3,5 bilhões, contou com mais de 600 expositores e passaram pela feira mais de 265 mil visitantes. A expectativa para este ano é superar esses números.

A realização de uma mostra do porte da RRSI exige dedicação e aplicação dos seus organizadores, no caso o Governo do Estado, via Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri). O sucesso em 2023 com a comercialização superando os R$ 3,5 bilhões, primeiro ano, após a pandemia deixou o governador Marcos Rocha (UB) mais animado para a mostra deste ano, pois Rondônia ganha, a cada RRSI, maior destaque em nível nacional com proporções internacionais, ampliando os negócios com outros países.

O governador Marcos Rocha (UB) destacou a importância da RRSI e alertou para tecnologia que estará disponível para coordenação, padronização e modernização com o TIC (Tecnologia da Informação e Comunicação). “É essencial a análise de dados para a gestão pública. Em 2023, na 10ª edição da RRSI, pela primeira vez, tivemos uma ferramenta de Inteligência de Negócios realizando a gestão de todos os valores arrecadados na Rondônia Rural Show. Neste ano, teremos novamente, mas de forma mais aprimorada”.

Desde o início do ano as reservas estão fechadas no parque hoteleiro de Ji-Paraná. Nem mesmo nas cidades vizinhas, de Cacoal, presidente Médici, Ouro Preto do Oeste, Jaru é possível encontrar acomodações para o enorme volume de visitantes e expositores, que estão dispostos a participar da mostra. Muita gente programou viagens no período e já alugou casas e apartamentos faturando uma grana extra.

Ji-Paraná tem uma ótima opção gastronômica desde a comida mais brejeiras, daquelas bem simples, mas saudável, caseira, que as pessoas encontrarão no Restaurante do Mineiro, um dos mais tradicionais da cidade, que só atende no almoço e tem o comando do competente Samuca.

A verdade é que Rondônia e boa parte das pessoas ligadas ao agronegócio nacional e internacional estarão marcando presença na RRSI deste ano, que certamente terá resultados mais expressivos que em 2023. A mostra, apesar de estar na sua 11ª edição demonstra, que veio para ficar e já está entre as maiores e mais importantes do País, pois não é apenas uma feira agrícola, mas um marco no calendário do agronegócio no Brasil.

É Rondônia com pouco mais de 40 anos de emancipação político-administrativa a cada ano se consolidando econômica, social e politicamente em nível nacional e internacional devido a pujança do setor produtivo e dedicação de sua gente.

O Estado continua sendo a grande opção de progresso e desenvolvimento econômico, político e social, onde pessoas capacitadas têm a certeza de futuro promissor. E a RRSI é um espelho do que é e será Rondônia no futuro.