Homem mata o próprio genro a tiro e também acaba baleado

O crime aconteceu em uma área de conflito agrário conhecida como “Linha do Escurão”

Um homem de 42 anos, identificado como Júnior , matou o próprio genro a tiro na noite de ontem, após uma discussão familiar. O crime aconteceu em uma área de conflito agrário conhecida como “Linha do Escurão”, no distrito do Guaporé, pertencente a Chupinguaia.

Conforme as primeiras informações obtidas pelo FOLHA DO SUL ON LINE junto a fontes policiais da localidade a 90 km de Vilhena, Júnior estava discutindo com a esposa, quando o genro, que morava numa casa próxima, tentou intervir na briga.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Banner ALE Mulher - 970

Após balear e matar o genro, Marciano fugiu para o mato. A Polícia Militar foi acionada e encontrou o autor do crime, que se entregou quando a viatura passava pela estrada vicinal.

Ele apresentava uma perfuração de bala num dos braços e foi trazido para Vilhena, preso, para receber atendimento médico. O disparo que o atingiu teria sido feito por um parente do rapaz que ele havia matado.

O corpo da vítima, um jovem ainda não identificado, continua no local, para onde irão policiais de Vilhena e um agente da Polícia Técnico-Científica (Politec) de Vilhena nas próximas horas.