Filho de pioneiros de RO, garoto morre após escorregar e quebrar o pescoço

Menino quebrou o pescoço após queda durante chuva

Um garoto de 11 anos, filho de um casal que morou em Vilhena até a década de 1980, foi vítima de um trágico acidente doméstico na cidade de Nova Mutum, na última segunda-feira de Carnaval.
O pequeno Nathan Gabriel brincava em casa, num momento em que estava chovendo, quando escorregou e fraturou o pescoço. A lesão fatal aconteceu quando o pescoço do garoto ficou preso numa corda que ele mesmo usava para prender os cachorros da casa.
Um tio de Nathan, cujo pai foi dono de uma loja de confecções em Vilhena, disse que a família está desolada com a fatalidade. Ele contou que, quando os Bombeiros chegaram para socorrer o menino, ele já estava morto.
Os pais do garoto, que também são pioneiros de Vilhena, não estavam em casa no momento do ocorrido.