Cerejeiras- Homem mata namorada e em seguida se suicida

O crime que abalou Cerejeiras no início da tarde de quinta-feira, 12, foi causado por motivos passionais. Essa é a informação de amigos das vítimas.

Ivonei Ferreira, de 29 anos, que trabalhava em sítios e fazendas da região, matou a tiros a namorada, identificada como Luana Gomes da Silva, de 21 anos, estudante de Administração na Unopar e que trabalhava num atacarejo da cidade. Após o crime, Ivonei cometeu suicídio usando o mesmo revólver calibre 38 usado contra a parceira.

Segundo o site Midia Rondônia, que também acompanhou o caso, após disparar contra Luana, Ivonei teve uma discussão com a mãe da jovem. A mulher, vendo a filha morta, teria pedido que o genro atirasse nela também.

Ainda transtornado, o autor do homicídio teria apontado a arma para o próprio queixo e puxado o gatilho, caindo sem vida próximo ao corpo da vítima que havia acabado de executar.

O crime aconteceu na área rural do município, na Linha 4.

Segundo afirmam amigos, o casal tinha se separado nesta semana e Inovei não aceitou o fim do relacionamento. A família da jovem chegou a se preocupar com o casal e tentou ajudá-los, mas sem êxito.

A Polícia Técnica-Científica de Vilhena foi chamada e fez o trabalho de identificar as circunstâncias das mortes.

Cerejeiras- Homem mata namorada e em seguida se suicida