Corpo de pintor é encontrado com pescoço cortado na estrada do Lixão, em Ji-Paraná

Edivaldo Samoza Lopes de 56 anos

Por volta das 21h00, do domingo, dia 30, populares que passavam pela Linha 11, na estrada do “Lixão”, em Ji-Paraná, se deparou com o corpo de um homem caído, próximo a uma motocicleta Honda Titan, de placa NEG-4202. O Corpo de Bombeiros chegou a ir no local, mas a vítima já estava sem vida.

A Perícia Técnica também compareceu no local, junto com uma Guarnição da PM, e constatou uma perfuração nas costas da vítima e um corte profundo na garganta.

Na manhã de segunda-feira, dia 01, o corpo foi identificado como sendo o do pintor Edivaldo Samoza Lopes, de 56 anos de idade. De acordo com os familiares, que residem em Cacoal, Edivaldo morava sozinho no bairro JK, em Ji-Paraná, e estava desaparecido desde às 15h00, de domingo, quando falou com a filha pela última vez. A polícia investiga o caso.

Corpo de pintor é encontrado com pescoço cortado na estrada do Lixão, em Ji-Paraná
Fonte:Comando 190