Morador de rua é assassinado a paulada em Ouro Preto do Oeste

Ao ser preso, o autor do crime disse que há três dias, a vítima havia lhe desferido um soco na boca e, na madrugada do crime, teria furtado fumo e pinga.

A Polícia Militar registrou, na manhã de terça-feira (13), por volta das 06h30, o assassinato do morador de rua identificado como Carlos (Peruano). A vítima foi morta durante a madrugada a pauladas enquanto dormia, em frente a uma loja localizada às margens da BR-364, bairro Alvorada, na Estância Turística de Ouro Preto do Oeste.

Consta no boletim de ocorrência que uma guarnição foi acionada por um funcionário da loja. Ao chegarem ao local, os policiais avistaram a vítima caída ao chão, envolvida por bastante sangue. Uma equipe do Corpo de Bombeiros também esteve no local e constatou o óbito da vítima. A Perícia Técnica da Polícia Civil foi acionada e realizou os trabalhos periciais.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O suspeito de ter praticado o homicídio, conhecido como “Goiano”, que também é morador de rua, foi preso por volta das 08h30, em um ponto de mototáxi localizado na esquina da avenida XV de Novembro com a rua Ana Nery, no centro da cidade. Segundo a polícia, Goiano já estava na garupa de uma moto, com o intuito de fugir.

Ao ser questionado, Goiano confessou que matou o “Peruano”, pois há três dias o mesmo havia lhe desferido um soco na boca. Na madrugada desta terça-feira (13), também furtou um pacote de fumo e pinga. E, diante da situação, decidiu acertar as contas, vindo a golpear a vítima na cabeça com um pedaço de madeira.

A madeira utilizada no crime foi localizada pela polícia, no estacionamento da loja onde ocorreu o assassinato, sendo entregue na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp), juntamente com o suspeito e alguns objetos que provavelmente pertenciam à vítima, sendo uma panela de alumínio, um relógio sem funcionamento e um par de chinelos.