PF apreende mais de 4 mil maços de cigarros contrabandeados em Guajará Mirim

Boliviano foi autuado e encaminhado ao Presídio de Guajará, onde está à disposição da Justiça.

Na última sexta-feira (19), um cidadão boliviano, de 48 anos, foi preso pela Polícia Federal, perto de um porto clandestino em Guajará-Mirim (RO). Na região de fronteira do Brasil com a Bolívia.

Segundo a PF, o homem transportava cerca de 4,5 mil maços de cigarros de origem paraguaia. Ele teria a intenção de enviar a carga para Porto Velho.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Banner ALE 970x250

O flagrante aconteceu após policiais federais receberem uma denúncia anônima. Ao chegar no local citado no telefonema, a equipe encontrou os cigarros contrabandeados e vários produtos importados sem recolhimento dos tributos legais.

O suspeito confirmou que foi contratado por um boliviano e receberia cerca de R$ 20 por cada carregamento que transportasse. Ele não entrou em detalhes sobre a identidade do remetente da carga.

O homem foi autuado e encaminhado ao Presídio de Guajará-Mirim, onde permanecerá à disposição da Justiça.