Governo de Rondônia paga mais de 10 milhões em verbas rescisórias para funcionários temporários da Saúde

Mais de 1.600 trabalhadores foram pagos entres os meses de julho e dezembro

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) juntamente com a Superintendência Estadual de Gestão de Pessoas (Segep) e Casa Civil, realizou o pagamento das verbas rescisórias no valor total de 10.272.212,80 milhões para profissionais da saúde contratados temporariamente durante a pandemia e que atuaram, especialmente, no tratamento a pacientes com covid-19.

Uma força-tarefa foi criada, com objetivo de atender todos os servidores com maior celeridade e tempo recorde, sendo mais de 1.600 trabalhadores pagos entres os meses de julho e dezembro de 2021.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Banner ALE Dose Dupla - 970

A coordenadora do Recursos Humanos (RH), Raquel de Oliveira conta a dedicação que a equipe do RH teve em realizar o pagamento em tempo recorde. “Historicamente o Estado levaria em média 3 anos para pagar as verbas, mas com o mutirão realizado pela nossa equipe conseguimos em apenas 4 meses atender todos os profissionais temporários. Foi trabalhoso, mas é gratificante ver que o nosso esforço ajudou muitas pessoas”, conta.

A fonoaudióloga Tatiane de Souza, que estava no combate ao coronavírus no Hospital de Campanha, conta sua experiência. “Eu recebi minha rescisória e foi enaltecedor. A gestão, os funcionários e todos, batalhando para um bem maior.” relata Tatiane.

O secretário de Estado da Saúde Fernando Máximo destacou a importância do pagamento para profissionais que contribuíram para o salvar milhares de vidas. “O governador Marcos Rocha pediu para que déssemos maior celeridade ao pagamento dos trabalhadores que atuaram intensamente no período pandêmico. Os pagamentos aconteceram de forma gradual atendendo os anseios de cada profissional”, afirma.

Mais informações podem ser obtidas no RH da Sesau, que fica no Palácio Rio Madeira, Edifício Rio Machado, no endereço: rua Pio XII, nº 2986, bairro Pedrinhas.