Oscar 2017 é marcado por gafe histórica em entrega de prêmio de melhor filme, vencido por Moonlight

Favorito, La La Land — Cantando Estações levou cinco prêmios, como Melhor Atriz e Diretor

A cerimônia do Oscar 2017 aconteceu neste domingo (26), em Los Angeles, e foi marcada pela polêmica da apresentação do prêmio de Melhor Filme.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Ninguém imaginava que o momento fosse render o episódio mais constrangedor da noite — e possivelmente da história do Oscar.

Inicialmente, o ator Warren Beatty, que apresentava o prêmio ao lado da atriz Faye Dunaway, anunciou La La Land — Cantando Estações como o grande vencedor da premiação. Minutos depois, quando o elenco do musical já estava no palco para receber a estatueta, Warren informou que tinha errado e anunciou que Moonlight: Sob a Luz do Luar era o verdadeiro vencedor. Um dos produtores do Oscar, Jordon Horowitz, apresentou o envelope às câmeras para provar o erro.

— Isso não é uma piada.

O erro foi amplamente divulgado nas redes sociais e, até agora, tem sido classificado como a maior gafe da história do Oscar. Warren Beatty explicou o equívoco dizendo que segurava, erroneamente, o envelope com o anúncio de Melhor Atriz — que continha as inscrições “Emma Stone”, ao lado do título do filme protagonizado por ela.

A empresa de auditoria PricewaterhouseCoopers, que acompanha o processo de contagem dos votos dos vencedores do Oscar há 83 anos, se desculpou publicamente: “Nós sentimos muito por Moonlight, La La Land, Warren Beatty, Faye Dunaway e todos os espectadores do Oscar pelo erro. Os apresentadores receberam o envelope errado e nós estamos investigando como isso pode ter acontecido. Nós agradecemos a forma como os indicados, a Academia e Jimmy Kimmel conduziram a situação”.

 

O apresentador da noite, Jimmy Kimmel, fez piada sobre o caso: “Eu sabia que eu ia estragar esse show. Eu realmente sabia. Pessoalmente, eu culpo Steve Harvey por isso”, em alusão ao episódio semelhante ocorrido durante a entrega do prêmio de Miss Universo.

Gafes à parte, o grande favorito da noite era realmente La La Land — Cantando Estações, que concorreu a 14 prêmios e igualou o recorde de Titanic. O musical ficou com cinco estatuetas, entre elas as das categorias de Melhor Atriz, para Emma Stone, e Melhor Diretor, para Damien Chazelle. Outro destaque foi para Casey Affleck, que superou Ryan Gosling e levou o Oscar de Melhor Ator 2017 por Manchester À Beira-Mar.

Viola Davis conquistou a estatueta na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante, com o filme Um Limite Entre Nós. Mahershala Ali levou Melhor Ator Coadjuvante por Moonlight: Sob a Luz do Luar.

Veja a lista completa dos vencedores abaixo:

Melhor Filme
A Chegada
Um Limite Entre Nós
Até o Último Homem
A Qualquer Custo
Estrelas Além do Tempo
La La Land — Cantando Estações
Lion: Uma Jornada Para Casa
Manchester À Beira-Mar
Moonlight: Sob a Luz do Luar

Melhor Diretor
Denis Villeneuve — A Chegada
Mel Gibson — Até o Último Homem
Damien Chazelle — La La Land — Cantando Estações
Kenneth Lonergan — Manchester À Beira-Mar
Barry Jenkins — Moonlight: Sob a Luz do Luar

Melhor Atriz
Isabelle Hupert — Elle
Ruth Negga — Loving
Natalie Portman — Jackie
Emma Stone — La La Land — Cantando Estações
Meryl Streep — Florence: Quem É Essa Mulher?

Melhor Ator
Casey Affleck — Manchester À Beira-Mar
Andrew Garfield — Até o Último Homem
Ryan Gosling — La La Land — Cantando Estações
Viggo Mortensen — Capitão Fantástico
Denzel Washington — Um Limite Entre Nós

Melhor Ator Coadjuvante
Mahershala Ali — Moonlight: Sob a Luz do Luar
Jeff Bridges — A Qualquer Custo
Lucas Hedges — Manchester À Beira-Mar
Dev Patel — Lion: Uma Jornada Para Casa
Michael Shannon — Animais Noturnos

Melhor Atriz Coadjuvante
Michelle Williams — Manchester À Beira-Mar
Viola Davis — Um Limite Entre Nós
Nicole Kidman — Lion: Uma Jornada Para Casa
Naomie Harris — Moonlight: Sob a Luz do Luar
Octavia Spencer — Estrelas Além do Tempo

Melhor Roteiro Original
A Qualquer Custo
La La Land — Cantando Estações
The Lobster
Manchester À Beira-Mar
20th Century Women

Melhor Roteiro Adaptado
A Chegada
Um Limite Entre Nós
Estrelas Além do Tempo
Lion: Uma Jornada Para Casa
Moonlight: Sob a Luz do Luar

Melhor Filme Estrangeiro
Terra de Minas (Dinamarca)
Um Homem Chamado Ove (Suécia)
O Apartamento (Irã)
Tanna (Austrália)
Toni Erdmann (Alemanha)

Melhor Animação
Kubo e as Cordas Mágicas
Moana: Um Mar de Aventuras
Minha Vida de Abobrinha
A Tartaruga Vermelha
Zootopia

Melhor Documentário
Fogo no Mar
I am Not Your Negro
Life, Animated
O.J.: Made in America
A 13ª Emenda

Melhor Documentário Curta-Metragem
Extremis
4.1 Miles
Joe’s Violin
Watani: My Homeland
The White Helmets

Melhor Curta-Metragem
Ennemis Intérieurs
La femme et le TGV
Silent night
Sing
Timecode

Melhor Curta-Metragem de Animação
Blind Vaysha
Borrowed Time
Pear Cider and Cigarettes
Pearl
Piper

Melhor Fotografia
A Chegada
La La Land — Cantando Estações
Lion: Uma Jornada Para Casa
Moonlight: Sob a Luz do Luar
Silêncio

Melhor Edição
A Chegada
Até o Último Homem
A Qualquer Custo
La La Land — Cantando Estações
Moonlight: Sob a Luz do Luar

Melhor Trilha Sonora
Jackie
La La Land — Cantando Estações
Lion: Uma Jornada Para Casa
Moonlight: Sob a Luz do Luar
Passageiros

Melhor Canção Original
Audition (The Fools Who Dream), cantada por Emma Stone — La La Land — Cantando Estações
Can’t Stop the Feeling, cantada por Justin Timberlake — Trolls
City of Stars, cantada por Ryan Gosling — La La Land — Cantando Estações
The Empty Chair, cantada por J. Ralph e Sting — Jim: The James Foley Story
How Far I’ll Go, cantada por Auliʻi Cravalho — Moana: Um Mar de Aventuras

Melhor Design de Produção
A Chegada
Animais Fantásticos e Onde Habitam
Ave, César!
La La Land — Cantando Estações
Passageiros

Melhor Figurino
Aliados
Animais Fantásticos e Onde Habitam
Florence: Quem É Essa Mulher?
Jackie
La La Land — Cantando Estações

Melhor Edição de Som
A Chegada
Horizonte Profundo: Desastre no Golfo
Até o Último Homem
La La Land — Cantando Estações
Sully: O Herói do Rio Hudson

Melhor Mixagem de Som
A Chegada
Até o Último Homem
La La Land — Cantando Estações
Rogue One: Uma História Star Wars
13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi

Melhores Efeitos Visuais
Horizonte Profundo: Desastre no Golfo
Doutor Estranho
Mogli: O Menino Lobo

Kubo e as Cordas Mágicas
Rogue One: Uma História Star Wars

Melhor Maquiagem e Penteado
Um Homem Chamado Ove
Star Trek: Sem Fronteiras
Esquadrão Suicida

 

Fonte: R7