Preso por lavagem de dinheiro, Marcos Cabeludo toma posse no lugar de vereador cassado por corrupção em RO

Marcus Cabeludo tomou posse como vereador em Vilhena, nesta terça-feira (6). Cabeludo responde em liberdade por extorsão e lavagem de dinheiro.

O vereador Marcos Antônio de Albuquerque (PHS), preso em 2016 por corrupção e lavagem de dinheiro, tomou posse do cargo na tarde desta terça-feira (6) na Câmara de Vilhena (RO), região do Cone Sul.

O parlamentar, conhecido como ‘Marcos Cabeludo’, vai ficar como suplente do ex-vereador Carmozino Alves Moreira (PSDC), cassado por corrupção em uma audiência na quinta-feira (1º).

Marcos Cabeludo era vereador na Câmara em 2016, mas teve o mandato cassado e foi preso em novembro acusado de cobrar propina a um empresário do ramo imobiliário para que o poder legislativo aprovasse a implantação de um loteamento na cidade.

Na eleições de outubro de 2016, Marcos tentou se reeleger e recebeu mais de 700 votos. Ele não participou da diplomação no começo do ano, pois ainda esava na cadeia, em janeiro deste ano.

Atualmente ele esponde o processo em liberdade por extorsão e lavagem de dinheiro.

De acordo com a assessoria da Câmara, a Justiça Eleitoral decretou a convocação dos suplentes, após a cassação dos vereadores Carmozino Alves Moreira (PSDC), Ângelo Mariano Donadon Junior (PSD) e Vanderlei Amauri Graebin (PSC) na semana passada.

Os outros suplentes, Professora Valdete (PPS), substituta de Vanderlei e Tabalipa (PV), substituto de Junior Donadon, já foram convocados e a posse está prevista para a próxima terça-feira (13).

A posse de Marcos Cabeludo teve a presença do presidente da Câmara, Adilson de Oliveira (PPS) e Carlos Suchi (PTN).

 

Fonte:G1