Chacareiro é picado por jararaca e vai à UPA levando cobra em saco plástico

Acidente aconteceu nesta sexta-feira (1°) em propriedade de Vilhena (RO). Biólogo diz que ao procurar hospital, pessoa picada por cobra poderia levar apenas foto ou vídeo da serpente.

Um chacareiro foi picado por uma jararaca, nesta sexta-feira (1°), enquanto ‘tratava dos porcos’ na propriedade localizada em Vilhena (RO), a 700 quilômetros de Porto Velho. Para receber o atendimento correto na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), Eliseu dos Santos levou a cobra morta dentro de um saco plástico.

Em entrevista à Rede Amazônica, Eliseu, de 39 anos, contou que a jararaca estava escondida em alguns tijolos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Banner ALE Poder 3 - 970

“Estava tratando dos porcos, aí fui pegar esses tijolos para tampar um local onde os porquinhos estavam saindo. Na hora que fui pegar o tijolo, ela [cobra] pegou no meu dedo. Doeu demais”, contou.

Após ser picado pela cobra, o chacareiro diz que procurou um vizinho e lá teria tomado um líquido para ‘dispersar o veneno’.

Quando voltou à propriedade dele, Eliseu acabou matando a jararaca, colocou dentro de um saco plástico e então decidiu procurar o hospital para receber o soro antiofídico.

Jararaca picou chacareiro no dedo em Vilhena — Foto: Rede Amazônica
Jararaca picou chacareiro no dedo em Vilhena — Foto: Rede Amazônica

Veneno perigoso

 

Segundo o biólogo Flávio Terassini, a jararaca é uma das cobras mais peçonhentas do país. Com isso, é preciso tomar o soro o mais rápido possível.

A Jararaca é considerada a mais perigosa por risco de acidentes, já que a espécie é caracterizada pelo comportamento arisco de defesa, além de viver em diversos tipos de habitat e ser abundante no Brasil.

Em caso de acidente, o biólogo explica que é muito importante fazer um registro do animal em foto ou vídeo para que seja possível identificar a espécie e seu soro.

Além disso, o local da picada deve ser lavado com água abundante e sabão, e a procura por atendimento médico deve ser imediata.

“Não faça torniquete, que é amarrar o local da picada, não chupe, não coloque nada em cima. Beba água, lave o local com água e sabão, tire uma foto do animal e vá para o hospital o mais rápido possível”, alertou.

Jararaca foi levado pelo chacareiro até UPA — Foto: Arquivo pessoal
Jararaca foi levado pelo chacareiro até UPA — Foto: Arquivo pessoal