‘Sou ameaçado por facção criminosa’, diz passageiro de táxi flagrado com arma

Devido a quantidade pequena de entorpecentes, o homem assinou somente um termo circunstanciado de ocorrência (TCO)

Durante uma ação de abordagens na Estrada da Penal, local conhecido como “Jacú da Vala”, na noite de sexta-feira (23) em Porto Velho (RO) a Polícia Militar prendeu

Leandro B. M., 29, flagrado com uma arma de fogo municiada.
Ele era passageiro de um taxi no momento em que foi parado na barreira policial. Leandro ao descer do veículo tentou esconder um revólver calibre 38 com seis munições.
Logo ele foi abordado e a arma apreendida. Aos policiais, Leandro contou que usava a arma porque vinha sendo ameaçado por membros de uma facção criminosa, mas não revelou o motivo.
Os policiais fizeram consulta nominal e descobriram que ele tem passagem criminal por tráfico de drogas. No táxi, um outro passageiro foi flagrado com duas porções de maconha e dois cigarros com a mesma substância.
Devido a quantidade pequena de entorpecentes, o homem assinou somente um termo circunstanciado de ocorrência (TCO). Já Leandro com a arma de fogo ficou à disposição Justiça.